AÇORESMADEIRAALENTEJOALGARVEBEIRA INTERIORBEIRA LITORALMINHORIBATEJOESTREMADURATRÁS OS MONTES

  Googl 

Busca Mundial Busca  Portugalweb.net

INDEX

APENDICE:

ALDEIAS

FOTOS

MAPAS

TEMPLÁRIOS

MONUMENTOS NACIONAIS

GLOSSÁRIO

FORTES E FORTALEZAS:

S. João Baptista

S.Neutel

Forte de Crismina

S.Francisco

Forte de Santa Catarina

Fortaleza Ponta da Bandeira

Torre da Medronheira

Fortaleza de Nossa Senhora da Luz

Portugal no mundo:

FORTES E FORTALEZAS

Fortalezas de Portugal

CASTELOS DO MUNDO

BRASIL

 Discover the castles of the Algarve
THE LIBRARY OF IBERIAN

RESOURCES ONLINE

A SOCIETY ORGANIZED FOR WAR
 

  MY CASTLE  WEB RING


pordata

BRASIL500

Casa para férias na Guarda

 

 
 
SOURE

 

Existem na zona vários vestígios arqueológicos que atestam a ocupação na época luso-romana. O que resta do castelo é testemunho mudo de antigas glórias e misérias, de renhidos combates com os sarracenos, que algumas vezes o arrasaramCastelo

Soure recebeu foral em 1111, por se encontrar despovoada e destruída, e foi alvo da atenção de D.Teresa, que a reconstruiu e mandou repovoar. Doada aos Templários por D.Afonso Henriques, pertenceu desde 1319 à Ordem de Cristo e teve foral de D.Manuel I em 1513

Descrição : Planta em quadrilátero alongado *3, no sentido S.- N., apresentando apenas os panos de muralha e torre NE, talvez de menagem, com janela a pleno centro no segundo registo. Acede-se ao terreiro central do castelo por um arco a pleno centro rasgado junto da torre N, abrindo-se-se nesse pano de muralha quatro frestas no primeiro registo e quatro frestas no segundo, tendo sido alargadas as duas junto à torre S. resultando janelas de recorte quadrangular. A torre S. apresenta a N., duas janelas com arcos a pleno centro e a S. duas frestas e uma janela com arco a pleno centro entaipada, ao lado de janela de recorte quadrado. Merlões apenas a N.. Silharia lançada à fiada irregular apresenta mistura de elementos, onde muitas pedras são reutilizações inseridas na construção de modo apressado e não sistemático

Cronologia : 1064 - arrasado pelos Mouros quando do cerco de D. Femando Magno a Coimbra; 1123 - mandado reedificar por D. Teresa que o doa juntamente com Santa Eulália e Quiaios ao Conde Femando Peres de Trava; 1128, 19 Março - D. Teresa concede, à Ordem do Templo o Castelo e todas as terras entre Coimbra e Leiria, constituindo assim a sede dos Cavaleiros do Templo, anteriormente em Fonte da Arcada, Minho; 1319, 14 de Março - passa à Ordem de Cristo, através da Bula papal, constituindo-se de imediato como cabeça de importante comenda; na torre S. podem apontar-se obras dos séc. 15 e 16, em particular no segundo registo; 1834 - 1865 - até esta data pertence à Ordem de Cristo; duas torres são vendidas por João Ramos Faria ao Conde de Verride, João Lobo Santiago Gouveia; 1880 - moradores dinamitam a torre SO. que ameaçava ruír; 1940 - Santiago Presado oferece o Castelo à Câmara Municipal de Soure que não legaliza a oferta; 1973 - encontrando-se à venda em hasta pública pelo valor matricial de 60.480$00, foi retirado

Caracteristicas Particulares : Exemplar único da arquitectura Proto-Românica possuindo um importante ajimez reutilizado como lintel na porta da torre e datado do séc.9 (Carlos Alberto Ferreira de ALMEIDA, 1986/43) ou talvez do séc. 11 (Mário Jorge Barroca, 1990/122-123). De realçar algumas estruturas da época condal, denotando influências moçarabes, de que constitui exemplo uma das janelas geminadas, em arcos ultrapassados com coluneio decorado de modo ainda fruste.

 

http://student.dei.uc.pt/~nrsimoes/soure.html

 

 

Casa para férias na Guarda

 

Casa para férias na Guarda

 
     CASTELOS NO MUNDO
  

Setubal   Guarda   Almada    Castelos  Seia  Seixal    Sesimbra  Palmela  Arqueologia   Historia        Portugal no mundo

intercâmbio  ttt   Contactos    Publicidade

Copyright © swspt.

 

 


Buy Direct Text Link Ads at Direct-Link-Ads